quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Primo Levi

No ar que respiramos existem os chamados gases inertes. Tem curiosos nomes gregos de derivacaoerudita que significam "o Novo", "o Oculto", "o Estrangeiro". Efectivamente,sao de tal modo inertes, e parecem tao satisfeitos com a sua condicao, que nao interferem em qualquer reacao quimica nem se combinam com qualquer outro elemento. Talvez seja por essa razao que ficaram por observar durante seculos. Porem, em 1962, um quimico cheio de boa vontade, depois de longos e engenhosos esforcos, conseguiu obrigar "o Estrangeiro" (o xenon) a combinar-se fugazmente com o muito avido e vivaz fluor; e a facanha foi considerada tao extraordinaria que lhe valeu o Premio Nobel. Tambem lhes podemos chamar gases nobres, e aqui poderiamos discutir se, na verdade, todos os nobres sao inertes e todos os inertes sao nobres. Por fim, ainda os podemos designar como gases raros, se bem que um deles, o argon("o Ocioso"),esteja presente no ar na respeitavel proporcao de 1%, ou seja, e vinte ou trinta vezes mais abundante do que o anidrido carbonico, sem o qual nao haveria sinais de vida neste planeta.
 O pouco que sei sobre os meus antepassados aproxima-os deste gas. Nem todos eram materialmente inertes, porque isso nao lhes era permitido: eram, pelo contrario(ou tinham de ser), suficientemente activos para ganhar a vida e respeitar uma certa moralidade que dominava e segundo a qual "quem nao trabuca nao manduca". Mas eram, sem duvida, inertes no seu intimo, habituados a especulacao desinteressada, ao discurso subtil, a discussao elegante, sofistica e gratuita. Nao sera por acaso que os actos que lhes foram atribuidos, embora de natureza varia, tem em comum qualquer coisa de estatico, uma postura majestosa de abstebcao, de submissao voluntaria (ou resignada) as margens do grande rio da vida.

 Texto a ser corrigido ortograficamente quando tiver um teclado portugues a minha disposicao. A vontade de partilhar o excerto da minha leitura actual era maior do que a espera de tres semanas.

Em " O sistema periodico"

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

banda sonora

Dos meus primeiros 17 dias de Agosto

porque mesmo quando se dorme

há mais além da chuva para nos embalar sem darmos conta

we can still go hungry

hallellujah

ter esperança no destino e ter quem...

navegar é preciso

a primeira ideia de chegar

a trocar pela versão nossa quando a tiver

an escape